4 de maio de 2010

Lopes de Castro e o jogo Varzim x Covilhã

Em entrevista à Lusa, Lopes de Castro abordou o último jogo da época, decisivo para as contas finais do Campeonato. Apelando à presença dos sócios do Varzim para o apoio à equipa, Lopes de Castro não deixou passar em branco a arbitragem de Paulo Baptista no encontro em Portimão e recomendou à Comissão de Arbitragem, "cuidado" nas nomeações da última jornada...

O líder do Varzim sublinhou erros em dois momentos que marcaram o jogo, "no vermelho directo ao Vítor Júnior e no pénalti na última jogada, já nos descontos, em que uma bola apenas bateu na cara do nosso jogador”. Referiu ainda que “a arbitragem de Paulo Baptista, em Portimão, foi estranha e prepotente para com os nossos jogadores. Aconteceram coisas estranhas em relação a um árbitro de qualidade”.

Lopes de Castro considerou que, com esses lances, o Varzim “perdeu a possibilidade de conseguir um empate”, acrescentando: “tenho medo que na última jornada as coisas não sejam fáceis para as equipas de arbitragem. Há muito em jogo”.

Para esta ronda final, que irá opor o Varzim ao Sporting da Covilhã, num desafio que pode ser fundamental para a permanência das duas equipas na Liga de Honra, o presidente deixou um apelo à comissão de arbitragem.

“Faço um alerta às equipas de arbitragem, mas também à nomeação dos árbitros, que tenham cuidado nas decisões. Já tivemos excelentes arbitragens durante a época, e queremos voltar a tê-las no sábado. Que o árbitro apite bem e deixe o resto por conta do Varzim e do Covilhã”, desabafou Lopes de Castro.

Por último Lopes de Castro lançou o desafio a todos os sócios e adeptos alvi-negros: “É fundamental que o estádio esteja cheio. Acho que vamos ter uma boa casa, porque as pessoas na hora da verdade aparecem. Fizemos uma boa campanha de venda de bilhetes e penso que vamos ter uma moldura humana interessante”.

Para a recepção ao SC Covilhã, Sábado, dia 8, pelas 17:00h, além de contarmos com a presença massiva por parte dos nossos sócios, várias empresas do concelho adquiriram bilhetes para o desafio, onde destacamos a AXA, o FEIRA NOVA e a CASA DO PAPEL, que estão a ser distribuídos ao público em geral.

De referir ainda que o SC Covilhã solicitou 500 ingressos para o encontro, que foram já entregues por parte do Varzim SC.

3 comentários:

Golo disse...

Hoje vi num site de desporto que 3600 bilhetes já foram vendidos e eu vo ir a portugal sexta de prepositopara ver o varzim so espero que não pague 2000 e tais euros para ver o varzim descer mas sei que nunca ira acontecer ;-)

Anónimo disse...

Em que site viste isso dos 3600 bilhetes vendidos?ja agora é sobre o varzim isso dos bilhetes?

Golo disse...

sim e do jogo Varzim x Covilha acho que foi no record o na bola.