25 de setembro de 2010

Varzim aprova contas mas não surgem candidatos à sucessão de Lopes de Castro

Pouco mais de 100 associados varzinistas aprovaram as contas da última época, que registou um saldo negativo de 400 mil euros e o orçamento para a actual, que apresenta um saldo positivo de 200 mil euros. Durante a apresentação dos resultados económicos os ânimos estiveram exaltados.

Vários sócios demonstraram o seu desagrado e de uma forma menos ordeira, perturbando a apresentação dos actuais números financeiros do Varzim. No entanto, e após diversos pedidos de serenidade, a calma reinou no seio de todos os presentes. Quanto aos números, o actual passivo cresceu em um milhão de euros na última época, passando agora para os 14,5 milhões de euros, sendo 2 milhões de curto prazo, com dividas a fornecedores e Estado. Os restantes 12,5 milhões, são referentes a adiantamentos da empresa que está envolvida no negócio estádio e de possíveis pagamento de impostos do mesmo, valores que são deduzíveis na contabilidade do clube com a concretização da construção do novo estádio.

Relativamente ao orçamento da presente época, está previsto um saldo positivo de 200 mil euros, sendo que o clube já enquadrou nas receitas o valor total (471 mil euros) que vai receber da transferência de Bruno Alves para o Zenit, apesar dessa verba só receber 171 mil euros esta época e o restante na temporada de 2011-2012.

Quanto às eleições agendadas para 23 de Outubro, o terceiro no espaço de um ano e sem o aparecimento de um candidato, bem como o actual momento do processo estádio foram temas de reflexão durante cerca de uma hora, com muitas incertezas e dúvidas quanto ao futuro imediato do clube, sendo que Lopes de Castro afirmou que Macedo Vieira presidente de câmara é parte da solução do futuro varzinista.

in Póvoa Semanário

Lopes de Castro revelou ainda que o Varzim recebeu uma proposta 500 mil euros por Salvador, mas recusou.

video

6 comentários:

Anónimo disse...

Com o passivo a aumentar a esta velocidade não resta outra solução senão fechar...o que vai fazer o Macedo? A única alternativa viável era aparecer alguém com muito dinheiro disposto a injectar dinheiro no Varzim, uma possibilidade muito remota diga-se de passagem. Ou então ser o Casino a tomar conta do Varzim e passar a chamar-se Varzim Casino da Póvoa.

Anónimo disse...

Muita gente a escrever...
será????

CDF disse...

Não deixa de ser preocupante, com os orçamentos cada vez mais rigorosos, o passivo aumente... Nesta altura estamos num beco sem saída... Ou alguém aparece disposto a pegar no varzim para um projecto no futuro, ou então o futuro é bastente negro....

Anónimo disse...

Corrijam-me se estou enganado mas esse passivo de 2 milhões já se registava à data da nossa última descida de divisão. Como o resto do passivo (1,2 milhões) na prática não é passivo porque é abatido na construção do mesmo estádio, a conclusão é de que o passivo não está nada a aumentar.

Anónimo disse...

falam muitos artistas e ontem que podiam expressar se no local indicado ninguem abriu a boca na assembleia e a maioria que o fez só disse bacoradas, enfim

Anónimo disse...

Ignorância saloia!...,Ontem a Assembleia foi para apreciação e deliberação sobre o Relatório e Contas 2010-2011(...atrasadas)! Não foi para aparecerem listas, nem candidatatos pôrra nenhuma!